sapomz_generalista

Luta entre irmãos termina em morte em Manhiça

Luta entre dois irmãos de 72 e 58 anos de idade termina em morte, no distrito da Manhiça, província de Maputo.

O facto ocorreu quando a vítima de 58 anos acusou o irmão mais velho de feiticeiro, alegando ser o responsável pelo insucesso da sua vida.
A acusação gerou conflito entre os dois irmãos, tendo o mais velho espectado a faca no peito do irmão que morreu instantaneamente.
Ouvido pela Rádio Moçambique, o culpado pelo assassinato do irmão, que se encontra sob custódia policial na Manhiça, assume a culpa que pesa sobre si.

“Isso começou quando pedi comida ao meu irmão mais novo, tendo negado me dar qualquer tipo de alimento. Saí e voltei para a minha casa. Ele me seguiu juntamente com os filhos. Quando chegaram a minha casa, me agrediram. Fiquei furioso e espectei uma faca no peito dele. Mas agora, já não há nada que se possa fazer “, disse o irmão culpado pelo homicídio.

O porta-voz do comando da Polícia da República de Moçambique (PRM) na província de Maputo, Fernando Manhiça, que lamenta o facto, apela a população a evitar a justiça pelas próprias mãos. (RM